24 Sep. 2019, 15h00

Fieg defende propriedade de áreas por empreendedores

Empresários e governo estadual discutem novas regras dos distritos industriais

 


Reunião Codego e setor produtivo

Em mais um encontro com o setor produtivo para discutir a proposta de alteração no regulamento dos distritos industriais de Goiás, o presidente da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás (Codego), Pedro Henrique Salles, foi recebido segunda-feira (23-09), na Casa da Indústria, pelo presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, sindicatos e empresários. No início do mês as mudanças no regulamento de áreas, alienações e empreendimentos em distritos foram pauta de reunião na sede da Acieg, da qual a Fieg participou.

Sandro Mabel reforçou o posicionamento da Federação de viabilizar empreendimentos e fomentar a economia e defendeu o direito do empresário à área. “No distrito industrial, o empresário tem que ter direito ao terreno, receber a escritura. Ao assinar o contrato da área, o empreendedor precisa ter essa garantia do governo”, reiterou.

O presidente da Fieg ressaltou que é necessário ter regras claras para combater a especulação imobiliária, mas sem prejudicar o empresariado. “Nós tivemos a oportunidade de expor as demandas do setor produtivo e ouvir, também, as necessidades da Codego. O Pedro Salles se mostrou aberto ao diálogo e isso já é muito bom para nós que estamos interessados em movimentar a economia e gerar empregos”, afirmou.

Pedro Henrique Salles disse que tem interesse em ouvir o setor produtivo, propor melhorias, mas que a segurança jurídica e a estabilidade das relações ainda o preocupam.

O empresário Amaury Esberard participou da reunião e pontuou que está no Distrito Industrial de Anápolis (Daia) há mais de 20 anos e que os empreendedores precisam que as manutenções no polo sejam feitas. Ele também falou sobre os projetos para construir postos de saúde, creches e, assim, dar mais qualidade de vida aos funcionários.

O presidente da Codego afirmou que a companhia tem trabalhado em parceria com a prefeitura de Anápolis. “Temos feito um alinhamento dos projetos da Codego, com o prefeito de Anápolis, Roberto Naves. Aos poucos, vamos trabalhar para atender às necessidades dos empreendedores”, enfatizou.

 

Escreva um comentário: